Habilidades que o mercado e as pessoas esperam de você!

O mundo frequentemente passa por mudanças, o que impacta o mercado de trabalho e nosso cotidiano de algumas formas. Logo, essa é uma questão a qual você precisa ficar atento, principalmente para trabalhar as características que serão exigidas daqui para frente no mercado e nas relações profissionais.

Nesse sentido, é claro que há competências específicas para determinadas áreas de atuação. Contudo, existem também aquelas habilidades que qualquer pessoa deveria investir para se dar bem na carreira.

Quer saber quais são elas? Confira o post a seguir e pense sobre a importância de todas para ajudar a construir uma trajetória bem-sucedida!

1. Iniciativa

Essa é uma capacidade que muitas pessoas precisam desenvolver, pois o que as empresas mais querem é gente disposta a fazer, a buscar novos caminhos e encontrar soluções. Quem não demonstra esse tipo de interesse certamente fica para trás.

Ter iniciativa pode ser relacionado com a proatividade, que há algum tempo já é uma competência bastante valorizada. Em resumo, a ideia é não esperar que as coisas aconteçam ou que alguém consiga resolvê-las. É preciso fazer elas acontecerem e participar ativamente desse processo para se destacar.

2. Visão sistêmica

Independentemente da área, um dos maiores desafios de todo profissional é tomar decisões. Normalmente, essa é uma atividade que envolve considerar diversos critérios, além de tentar calcular as possíveis consequências e evitar erros indesejáveis.

Diante disso, não só ter um raciocínio crítico como ter uma visão sistêmica do negócio é extremamente importante. Cada ação causa um impacto diferente e, por mais que o seu papel seja limitado, certamente ele influencia no resultado geral.

Ter consciência desse fato é o primeiro passo para contribuir para a produtividade da empresa como um todo. Ou seja, mesmo que não dependa só de você, pense que a sua atitude (ou a falta dela) gera consequências.

3. Empatia

Nunca se falou tanto em empatia, talvez porque as pessoas tenham identificado essa necessidade de se colocar no lugar do outro para poder compreendê-lo melhor — o que faz todo sentido, já que vivemos em sociedade.

Aliás, isso faz toda a diferença para uma boa convivência no ambiente de trabalho, sobretudo para construir um clima organizacional positivo e acolhedor. Sendo assim, essa deve ser uma característica reforçada especialmente pelos líderes e gestores, servindo como referência para que a equipe seja mais unida e produtiva.

4. Flexibilidade

Não há nada que seja imutável — ao contrário, as coisas estão sempre se transformando. Tudo pode mudar a qualquer momento e lidar com os imprevistos é indispensável nos dias de hoje.

O fornecedor pode não entregar no prazo previsto, as necessidades dos clientes podem variar, a produção é capaz de não sair exatamente como o desejado, o funcionário pode ficar doente em um dia importante.

Enfim, ter um planejamento é essencial, mas também é preciso saber se adaptar aos acontecimentos. Para tanto, é necessário ser flexível para aproveitar sempre o melhor de cada situação e não se deixar abalar pelos planos frustrados, tendo em mente que o aprendizado deve ser constante.

5. Criatividade

Quem permanece sempre no mesmo lugar tende a perder espaço em algum momento — isso vale para empresas e pessoas. Já que o mercado se renova com frequência, acompanhar essas mudanças e buscar inovações é primordial.

Nesse caso, exercer a criatividade é um dos pontos mais relevantes para conseguir se reinventar, sair da mesmice e oferecer algo novo. Como ferramentas desse processo, podemos utilizar a curiosidade e a imaginação para tentar sair do óbvio e alçar novos voos, lembrando que ser criativo é uma capacidade que pode ser trabalhada.

6. Polivalência

Ainda que geralmente cada um tenha um foco na sua carreira, o profissional do futuro precisa ser cada vez mais polivalente. Isto é, ele não deve se limitar somente a um campo específico, demonstrando disposição para aprender sobre outras áreas.

Essa aquisição de diferentes habilidades é o que fará dele uma pessoa mais completa e preparada para vencer os desafios. Por exemplo, um engenheiro que não busca desenvolver sua comunicação e sua capacidade de liderança pode perder boas oportunidades por esse motivo.

Mesmo que não faça parte da sua função atual dentro da empresa, não significa que um dia ele não vai precisar dessas competências. Assim, a melhor dica é investir em cursos e outras maneiras de adquirir talentos diversos. Ter um olhar atento e cercar-se de profissionais com formações diferentes da sua também é um bom negócio!

7. Boa comunicação

Você não precisa ser um jornalista ou vendedor para saber se comunicar bem. Na verdade, essa é uma necessidade de todo profissional, até porque ninguém trabalha sozinho.

Saber expressar suas ideias de forma clara e adequada é fundamental para lidar com as outras pessoas, dar opiniões, fazer suas reivindicações, promover o seu trabalho, vender o produto, entre outras atividades do seu dia a dia.

A comunicação é a base de todas as profissões. Portanto, todas as pessoas devem buscar melhorar esse quesito a cada dia, vencendo suas dificuldades e evitando erros comuns.

8. Resiliência

O profissional do futuro deve ser resiliente, o que quer dizer que ele precisa lidar com as situações adversas e manter-se firme em seus propósitos. É natural que a pressão do mercado de trabalho, o estresse da rotina, entre outros fatores, contribuam para o surgimento de adversidades durante o seu caminho.

Porém, ter a sabedoria de se adaptar às mudanças e levar uma vida mais leve é um grande diferencial para construir uma carreira bem-sucedida. Senão você corre o risco de não alcançar os seus objetivos.

Os sonhos de cada pessoa devem servir como motivação para que todos os contratempos sejam superados com equilíbrio e tranquilidade. Não por acaso, atualmente existem muitos livros, cursos e palestras sobre resiliência que merecem a nossa atenção.

9. Liderança

Ser um líder nem sempre é tão simples. Como as pessoas falam de liderança já há bastante tempo, parece que esse é um assunto dominado por todos. Acontece que ocupar uma posição de liderança é cada vez mais desafiador.

É uma grande responsabilidade influenciar pessoas e ser um exemplo positivo para elas, sobretudo quando existem prazos para cumprir e metas para serem alcançadas. Felizmente, há vários recursos que podem nos ajudar nessa missão de ser um líder mais sensível, efetivo e estratégico na motivação do time.

De qualquer maneira, quem deseja ter sucesso precisa ter essa preocupação de investir na sua capacitação, desenvolvendo habilidades que ajudam a formar um bom profissional do futuro. Essa é a melhor forma de manter-se competitivo no mercado e conquistar boas oportunidades!

Gostou do post? Então, aproveite para compartilhá-lo nas suas redes sociais e informar os seus amigos sobre o assunto, ajudando-os a serem melhores pessoas e profissionais também!

Deixe uma resposta